Canto de anúncio de duas Scinax (Amphibia, Anura, Hylidae) do Alto da Serra de Paranapiacaba, SP

DIMITROV, Victor1*; NEGRI, Daniel Din Betin1; da SILVA, Renata Vieira1; LAPORTA, José Luís1 1

Centro Universitário Fundação Santo André, Laboratório de Zoologia, Avenida Príncipe de Gales, n. 821, 09060-020, Santo André, SP, Brasil.

* victordimitrov@yahoo.com.br

O grupo dos anfíbios anuros possui diferentes formas de comunicação, mas a comunicação acústica é a mais notável. O canto de anúncio dos anuros tem função de atração das fêmeas coespecíficas, sendo as vocalizações um importante mecanismo de isolamento pré-copulatório. Scinax obtriangulatus (B. Lutz, 1973) (CRC macho 23 mm; CRC fêmea 30 mm) e Scinax rizibilis (Bokermann, 1964) (CRC macho 25 mm; CRC fêmea 33 mm) pertencem a família Hylidae, grupo S. catharinae, a primeira possui um triângulo escuro na região interorbital e listras escuras dorsolaterais e a segunda uma mancha escura interocular, a cor da primeira é marrom e da segunda amarelo-esverdeada. Girinos de ambas as espécies podem ser encontrados em poças permanentes e temporárias de longa duração na borda florestal ou no interior da floresta, ambas as espécies tem ampla distribuição no sudeste do Brasil. Os objetivos desse trabalho foram: (1) comparar o canto de anúncio de S. obtriangulatus e S. rizibilis quanto a duração do canto, freqüência dominante, número de notas e pulsos por nota e (2) verificar a época reprodutiva de ambas as espécies em termos temporais. Entre os meses de janeiro de 2009 e dezembro de 2009 foram realizados trabalhos de campo no entorno do distrito de Paranapiacaba no município de Santo André, região da Serra do Mar. Foram registradas as vocalizações de S. obtriangulatus e S. rizibilis utilizando gravador cassete acoplado a microfone unidirecional Yoga HT-81. A época reprodutiva de S. obtriangulatus estendeu-se por quatro meses (de abril até julho) sendo prolongada e S. rizibilis ocorreu apenas no mês de outubro sendo explosiva. A estratégia reprodutiva de ambas as espécies se apresentou como do tipo leque. A canto de anúncio de S. obtriangulatus (Dur.Canto=0,144s; Freq.Dom.=2137-5461Hz; Nº notas=2-4; Pulsos/nota=3-6; N=6) se apresentou distinto de S. rizibilis (Dur.Canto=1,413s; Freq.Dom.=2580-4387Hz; Nº notas=7; Pulsos/nota=10; N=4). O grupo S. catharinae é definido como parafilético, sendo que, S. rizibilis e S. berthae formam um grupo monofilético em politomia com S. brieni que é morfologicamente bem próxima de S. obtriangulatus. De acordo com as análises sonoras, reprodutivas e morfológicas, S. obtriangulatus possivelmente se encaixa melhor dentro do grupo monofilético de S. brieni e S. trapicheiroi do que de S. rizibilis e S. berthae.

Palavras chave: vocalização, época reprodutiva, filogenética.